sábado, 31 de agosto de 2013

Setembro


Wish, 2000 [ Iman Maleki] pintor iraniano

Os melhores livros que já li dificilmente figuraram nas listas dos mais vendidos. Assim como aquelas músicas e as melodias que mais me emocionaram também não tocaram nas estações de rádio.

Já é quase Setembro, perdi alguns prazos propositadamente e ganhei outros tempos em consequência disso. Meus jeans antigos voltaram a me vestir, e eu ainda ouço os mesmos discos que o meu avô ouvia.

Os caminhos continuam a falar por si mesmos, tal como as águas que não fecundam o solo dessa cidade ao longo dessa estação. Aquela velha camiseta de algodão com a estampa do Donald continua perfumada e me aquece nas raras noites de frio.

Daqui a pouco o dia vai ter acabado e vai ser quase noite, mas que venha Setembro. Sinto que alguma coisa de muito grande está acontecendo e que não consigo visualizar do que se trata, afinal de contas, a minha alma foi feita apenas para sentir.

Nenhum comentário: